ITP presta serviço de assessoramento para inventores independentes

15/03/2021

Assessorar alguém que tenha desenvolvido um novo produto ou melhorado algo existente dando maior usabilidade ao objeto, durante os trâmites processuais para que o invento seja reconhecido e legalmente protegido, impedindo que terceiros explorem comercialmente o produto ou processo. Este é um dos serviços prestados pela Agência de Gestão da Inovação e Transferência de Tecnologia do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (AGITEC/ITP). A atuação da Agência tem início com a prospecção de tecnologia para, posteriormente, ser desenvolvido todo o trâmite junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

Patente de invenção, modelo de utilidade, marcas e Registros de software estão entre os ativos que podem ser protegidos e transferidos à sociedade por meio do licenciamento ou da transferência para a comercialização. Inicialmente criada para gerir toda matéria passível de proteção por Lei proveniente das pesquisas realizadas pelo Instituto ou em parceria, hoje, a AGITEC também presta este serviço para inventores independentes.

No ITP, o cotidiano da AGITEC consiste em identificar e prospectar a oportunidade tecnológica dentro dos laboratórios e a partir deste ponto, providenciar, junto aos professores e alunos, a documentação necessária para a solicitação de pedido de patente e o desenvolvimento do roteiro de avaliação de tecnologia.

“Mas, antes de depositarmos o pedido junto ao INPI realizamos alguns passos: promovemos a busca de anterioridade; analisamos se o produto e/ou processo em questão possui todos os requisitos de patenteabilidade; e se possui caráter inovador. Estando todos os requisitos atendidos passamos para a fase seguinte, que é a de escrever, junto com o pesquisador, a redação da patente conforme determina o normativo vigente”, explicou Ila Natielle Neres, Analista de Inovação da AGITEC.

O trabalho desenvolvido pela Agência tem refletido de maneira muito positiva e colocado o ITP em posição de destaque nacionalmente. A prova desta afirmação é o fato de o ITP ter figurado, pelo segundo ano consecutivo, 2018 e 2019, como o maior depositante nacional de patente de invenção entre as instituições privadas de pesquisa, de acordo com o Ranking dos Depositantes Residentes do INPI. É, ainda, a única entidade sergipana a figurar no “Top 50” do INPI desde o ano de 2014, quando o ranking foi publicado pela primeira vez. De acordo com Ila Natiele, o resultado obtido no ranking do INPI comprova que o ITP está preparado para atender as demandas tecnológicas do mercado e para desenvolver projetos promissores.

Atualmente, o Portfólio de Inovação do ITP é composto por uma marca registrada, por três registros de softwares registrados e concedidos, por um Tratado de Cooperação de Patentes - PCT, por duas patentes via CUP (Portugal e Peru) e por 123 patentes depositadas, sendo co-titular em quatro delas. Do total, seis já foram concedidas, uma delas pelo Programa Patentes Verdes e outra transferida para a empresa farmacêutica Hebron, dando origem ao Ziclague®, primeiro medicamento fitoterápico do Brasil e genuinamente nordestino, pois, toda a tecnologia fora desenvolvida em Sergipe, no ITP, e a fabricação ocorre em Pernambuco. Mais informações sobre os serviços oferecidos pela AGITEC podem ser obtidas através do e-mail agitec@itp.org.br



Veja Mais

Instituto de Tecnologia e Pesquisa recebe visita do Ministro da Educação

Instituto de Tecnologia e Pesquisa recebe visita do Ministro da Educação

30/11/2021 - O Instituto de Tecnologia e Pesquisa-ITP, unidade de pesquisa científica, tecnologia e inovação do Grupo Tiradentes, fo...

Pesquisadora do ITP representa América Latina em Programa da Fundação Carolina, na Espanha

Pesquisadora do ITP representa América Latina em Programa da Fundação Carolina, na Espanha

22/11/2021 - A pesquisadora do Instituto de Tecnologia e Pesquisa e professora do Programa de Pós-graduação em Biotecnologia Industr...

Ministério da Saúde, em parceria com o ITP, Unit e Lacen, promove capacitação de técnicos para identificação de vetores da Doença de Chagas

Ministério da Saúde, em parceria com o ITP, Unit e Lacen, promove capacitação de técnicos para identificação de vetores da Doença de Chagas

16/11/2021 - Com o objetivo de capacitar e atualizar técnicos que atuam na identificação de triatomíneos, insetos vetores da ...

Colaboradores do ITP declaram apoio ao Outubro Rosa

Colaboradores do ITP declaram apoio ao Outubro Rosa

20/10/2021 - No dia D da campanha Outubro Rosa, colaboradores do Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP) aderiram ao movimento "Vista essa ideia". Nesta...